polman2_Sean GallupGetty Images_wind energy Sean Gallup/Getty Images

Um modelo empresarial para a sustentabilidade

LONDRES –Num relatório recente, o Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas (IPCC) alertou que se não houver mudanças rápidas e profundasno modo como os terrenos, a energia, a indústria, os edifícios, os transportes e as cidades são geridos, os danos para o nosso planeta poderão ser irreversíveis. A mensagem era clara: precisamos de um esforço cooperativo, numa escala mundial, para mudarmos a nossa trajetória atual. E, dado que muitos dos desafios mais difíceis de sustentabilidade que o mundo enfrenta estão ligados à sua faceta empresarial, a única maneira prudente de avançar é mudar a forma como os negócios são feitos.

Isto pode parecer assustador, mas já temos uma estrutura para orientar a transição: os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ODS). Os ODS, adotados em setembro de 2015 por 193 países, estão projetados para alcançar um futuro mais sustentável para todosaté 2030, o que, por acréscimo, permitirá um melhor ambiente empresarial. A Comissão de

Desenvolvimento Empresarial Sustentável estimou que o cumprimento dos ODS poderia adicionar cerca de 12 biliões de dólares e 380 milhões de postos de trabalho à economia global até ao final da próxima década.

To continue reading, register now.

As a registered user, you can enjoy more PS content every month – for free.

Register

or

Subscribe now for unlimited access to everything PS has to offer.

https://prosyn.org/lZmKanppt