borchardt10_PixsoozGetty Images_journalismmicrophones Pixsooz/Getty Images

Salas de Redação Precisam de mais Diversidade

MUNIQUE – Quando uma emissora de rádio local de Charlotte, na Carolina do Norte, lançou um concurso de podcasts na comunidade, estava preparada para muitas possibilidades, exceto uma: que a reação do público sobrecarregaria o servidor da estação. A iniciativa teve como objetivo aumentar as opções de diversidade no ar e dezenas de milhares de pessoas quiseram participar. Grupos e indivíduos de todas as esferas da vida enviaram mais de 370 ideias para podcasts, e 33.000 ouvintes entraram para votar essas ideias. O que começou como um experimento único agora será uma atração regular da estação.

O jornalismo sempre sofreu com a falta de diversidade. As redações demograficamente uniformes têm produzido conteúdo uniformemente homogêneo há décadas. E embora editores de todo o mundo reconheçam cada vez mais que isso é um problema, muito pouco tem sido feito para saná-lo.

Ironicamente, uma das razões é a preocupação com a mudança digital. "Tem havido tanto foco na transformação digital nos últimos anos que a questão da diversidade teve que ficar de lado", explica Olle Zachrison, da emissora pública sueca Sveriges Radio, em um estudo comparando os esforços de diversidade no Reino Unido, Suécia e Alemanha. E, no entanto, como a redação de Charlotte descobriu, a diversidade não é apenas um bônus adicional. Ela atualmente está no cerne do engajamento do público.

We hope you're enjoying Project Syndicate.

To continue reading, subscribe now.

Subscribe

or

Register for FREE to access two premium articles per month.

Register

https://prosyn.org/lZkQ1xhpt